Home :: Rede EMT

Rede EMT

O MTCM e a Rede EMT

  • O principal  objetivo do MTCM é formar  especialistas altamente preparados e qualificados que trabalhem em conformidade  com os padrões profissionais reconhecidos internacionalmente e que saibam responder às necessidades do mercado de tradução. O Programa deste Mestrado fornece aos estudantes, uma oportunidade de conhecer o perfil de  um tradutor EMT bem como de adquirir as técnicas e competências necessárias que lhe forneçam mais-valias  a nível profissional.

A rede EMT (European Master’s in Translation – Mestrado Europeu de Tradução) é uma parceria entre a Comissão Europeia e instituições de ensino superior que oferecem programas de estudos em tradução com grau de mestrado. EMT é uma marca registada da UE e as Universidades pertencentes a esta rede EMT podem ser identificadas através da apresentação do seu logotipo.

O principal objetivo do EMT é promover o nível de qualidade do ensino em tradução, formar profissionais altamente qualificados para trabalharem como tradutores na União Europeia, assim como fortalecer o estatuto dos tradutores na Europa. (Para mais informações sobre o EMT, visite o site oficial do EMT ou clique aqui).

No âmbito do programa do MTCM, serão abordadas e desenvolvidas as seguintes competências, para ir de encontro aos requisitos do EMT:

CompetencesCOMPETÊNCIAS

Competência – “capacidade de fazer algo de forma bem sucedida ou eficiente; é uma combinação das atitudes, conhecimentos, e comportamentos necessários para desempenhar uma determinada tarefa mediante determinadas condições (definição retirada do Website do  EMT ).

Para mais informação sobre competências, clique aqui.

1.      COMPETÊNCIAS PARA A PRESTAÇÃO DE UM SERVIÇO DE TRADUÇÃO

  • Saber adaptar as competências pessoais aos requisitos do mercado e ao tipo de trabalho;
  • Saber organizar os contactos e negociar com os clientes (para definir prazos, preços / condições de faturação, condições de trabalho, acesso a informação, contrato, direitos, responsabilidades, especificações da tradução, especificações da proposta, etc.);
  • Adoção de técnicas avançadas de planeamento e de gestão do tempo, stress, do trabalho, do orçamento e da formação a decorrer;
  • Saber como cumprir as normas de tradução, instruções, prazos, compromissos;
  • Saber trabalhar sob pressão e trabalhar em equipa (em termos de colaboração e de cooperação);
  • Saber resolver problemas de tradução e encontrar soluções adequadas, para revisão dos trabalhos de tradução e estabelecer padrões de qualidade.

2.      COMPETÊNCIAS LINGUÍSTICAS

  • Compreender as estruturas gramaticais, lexicais e idiomáticas, assim como as convenções tanto da língua de chegada como da língua de partida;
  • Saber usar as mesmas estruturas e convenções em ambas as línguas de partida e de chegada, tendo em atenção as alterações introdução de novos fenómenos nas línguas.

3.      COMPETÊNCIAS INTERCULTURAIS

  • Saber identificar e aplicar um registo, regras e normas adequadas a determinada situação (documento) ou grupo alvo;
  • Estar consciente das variações geográficas, históricas, sociais, estilos da língua e  particularidades;
  • Ser capaz de distinguir  as conexões culturais e pressupostos implícitos e reconhecer a intertextualidade dos textos;
  • Saber resumir, reformular, reestruturar e pos-editar de forma eficiente.

 4.      COMPETÊNCIAS DE PESQUISA DE INFORMAÇÃO

  • Saber identificar, pesquisar, extrair e processar informação relevante;
  • Saber utilizar ferramentas e procurar mecanismos de forma eficaz e avaliar a credibilidade das fontes
  • Desenvolver estratégias de pesquisa documental e terminológica.

5.      COMPETÊNCIAS TEMÁTICAS (ASSUNTO) 

  • Saber pesquisar informação relevante para obter uma visão mais aprofundada do assunto em questão;
  • Compreender os seus conhecimentos em áreas especializadas – aprender a aprender.

 6.      COMPETÊNCIAS TECNOLÓGICAS (TRANSFERÊNCIA)

  • Saber aplicar efizcamente ferramentas CAT e uma variedade de software, estando consciente das suas possibilidade e limites;
  • Saber produzir uma tradução em vários formatos e para diversos suportes de comunicação .

 

CAPACIDADES

Capacidade – a capacidade de fazer algo bem feito; especialidade (Oxford Dictionary). Quais são as capacidades necessárias para se ser um ótimo tradutor?

GRAFICO SITE

Ligações Úteis:

The Linguist, revista online

Developing Translation Competence, (Desenvolver competências de tradução) livro do google

Essential Skills for Translators, (Capacidades essenciais de um tradutor) curso online intensivo

 Lista de motores de busca com descrição

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *